Félix apanha de Cezar por roubo no hospital e...

10 de setembro de 2013

Desta vez o vilão não escapa das acusações e sente o peso da mão de César, confira...


Félix até tenta se fazer de vítima para virar o jogo, diz que foi tudo uma jogada de Eron para tomar seu cargo, mas dessa vez o vilão não tem escapatória. “Enfrente a realidade. Você foi desmascarado”,
diz Lutero. Tentando de todas as formas fugir da culpa, Félix ataca César, dizendo que ele só está fazendo tudo isso por não aceitar um filho gay: “Tem vergonha de mim, quer me ver longe!”, acusa.

Em seguida, já que não tem nada a perder, Félix quase joga os podres do pai no ventilador, mas é interrompido com uma bela bofetada na cara! “Cala a boca!”, dispara César. Nesse instante, o administrador, sempre tão soberano e prepotente, torna-se frágil, como um menino, e mal acredita que recebeu um tapa do pai. “Você está demitido, oficialmente”, sentencia o diretor do hospital. Chorando e arrasado, Félix sai com o rabinho entre as pernas e é amparado por Glauce (Leona Cavalli).

Não perca essas cenas, que vão ao ar a partir de terça-feira, dia 10 de setembro




Imprimir