Ninho tentará dar bebida alcoólica para Paulinha e...

28 de outubro de 2013

Paloma perderá a cabeça com Ninho  nos próximos capítulos de "Amor à vida" e dará um tapa em Ninho, confira...

Depois que o pintor sumir novamente com Paulinha (Klara Castanho), a médica ficará furiosa. Quando a menina voltar para casa, depois de muita espera, ela não pensará duas vezes e dará um tapa no rosto do ex.

A confusão começará depois que Ninho fizer sua primeira exposição em São Paulo. Ele não conseguirá vender uma única obra e ficará arrasado. Por isso, tentará se animar ao lado da filha. Os dois sairão para patinar no gelo e o aventureiro dirá à menina que os dois passarão mais tempo juntos naquele dia.

- Mas eu tenho hora para voltar. O Bruno não vai gostar - lembrará Paulinha.

- Deixa de ser careta, baixinha. Você já está grande. A gente só vai dar uma saidinha. Eu vou te levar para um programa muito legal. Você vai gostar. Você não tem que obedecer o Bruno (Malvino Salvador) sempre, baixinha. Tem que ter sua própria vida. Mais tarde a gente vai comer um sanduba e depois você vai sair comigo, como se já fosse uma moça - dirá Ninho, que deixará a filha animada.

Enquanto isso, o corretor chegará em casa e não encontrará a filha. Ele irá atrás dela na clínica de Paloma e ficará surpreso ao saber que a mulher não sabe o paradeiro da menina.

- Eu faço o que posso, Paloma, tenho a maior boa vontade, mas, por mais que eu me esforce para ser legal, o Ninho apronta. Nem cumprir os horários ele cumpre - reclamará ele.

A esta altura, Paulinha já estará no restaurante japonês de Niko (Thiago Fragoso). Ninho oferecerá saquê e ela perguntará se é uma bebida alcoólica.

- Eu não posso. O meu pai sempre disse que eu não posso beber - rejeitará a garota.

- Para de falar no seu pai. Para mim é Bruno. Você não é mais criança, pode experimentar - insistirá o pintor.

- Eu já fiz transplante de fígado, não posso beber nada que tem álcool. A minha mãe explicou direitinho. E também, na minha idade, o corpo está em formação, a bebida pode fazer mal para toda vida.

Ninho ficará irritado com a lição de moral e mudará de assunto, dizendo que tem mais planos para os dois. Paulinha lembrará que precisa voltar para casa e será chamada de careta. O pintor acabará levando a filha para um bar.

Com o passar das horas, Paloma e Bruno irão ao galpão de Ninho e só encontrarão Valentin (Marcelo Schmidt). Desesperado, o casal irá à polícia, mas o delegado argumentará que, como a menina está sumida há poucas horas, não há o que fazer senão esperar. Enquanto isso, Ninho estará na mesa de um bar com duas mulheres e Paulinha pedirá para ir embora.

- Para, baixinha, deixa de ser tão séria. Vocês duas acreditam que essa menina é minha filha?

- Por que ela não te chama de pai? - perguntará uma delas.

Ninho, então, pedirá para Paulinha chamá-lo de pai. Ela recusará e pedirá para retornar ao lar. A menina começará a chorar e deixará o aventureiro ainda mais irritado. Até que ele finalmente decidirá levar a menina de volta. Paloma e Bruno estarão na rua quando pai e filha chegarem. A médica verá as mulheres no carro de Ninho e perguntará quem são.

- São as minhas peguetes, e daí? Você acha que eu ia ficar esperando por você? - provocará ele, que contará os detalhes da programação com Paulinha.

- Você não sabe ser pai. Não sabe. Ninho, nunca mais, ouviu bem, nunca mais eu vou te deixar sair com a Paulinha - prometerá a pediatra.

Ninho dirá que pode entrar na Justiça para ter o direito de ver Paulinha e Paloma dirá que vai ganhar a disputa ao contar tudo o que sabe sobre o ex.

- Está me ameaçando, Paloma? É melhor ter cuidado comigo.

- Eu não tenho medo de você, Ninho. Eu te dou o que você merece - responderá ela, que dará uma tapa em Ninho.

O pintor ficará surpreso e revelará que se magoou com o gesto. Paloma chamará o aventureiro de irresponsável e criança. Ela também afirmará que o rapaz está bêbado e o mandará embora.

- Eu sempre achei que você ia mudar, que ia voltar a ser a Paloma que eu conheci. Eu odeio a Paloma em que você se transformou. Odeio!


- E eu? Você pensa que eu gosto de você? Do jeito que você é? Vai embora, Ninho! Vai embora!


Imprimir