Você já acordou no meio da noite e não conseguiu se mexer? Saiba o motivo!

24 de julho de 2017
 
Imagine acordar no meio da noite e perceber que você não pode mover nenhum músculo do seu corpo...
 
Imagine ser assombrado por figuras, vultos e monstros enquanto ainda está na cama, e não ter como fugir. Que sensação é essa que muitas pessoas relatam ter? A neurociência explica o que é a paralisia do sono, um distúrbio que pode afetar metade da população pelo menos uma vez na vida.

Cerca de 4 entre cada 10 pessoas já tiveram paralisia do sono. Geralmente, acontece pela primeira vez ainda na adolescência. Entretanto, homens e mulheres, podem ter em qualquer idade.

O que é PARALISIA DO SONO
A paralisia do sono acontece quando se está consciente, mas incapaz de se mover. Ou seja, quando uma pessoa acorda, sente o que está ocorrendo em sua volta, mas ainda não retomou o controle sobre o corpo, logo, não consegue movimentar nenhum membro.
Basicamente, o cérebro age como se ainda estivesse dormindo, por isso, em alguns casos quando é possível abrir o olho, algumas pessoas vêm fantasmas andando, monstros e etc. O cérebro mistura a realidade com os sonhos.
Algumas pessoas também podem sentir a pressão ou uma sensação de asfixia. A paralisia do sono pode acompanhar outros distúrbios do sono, como narcolepsia, que é uma necessidade incontrolável de sono causada por uma falta de capacidade do cérebro para regulá-lo.


Alguns dos fatores que podem estar ligados a paralisa do sono:
  • A falta de sono
  • Condições mentais, como estresse ou transtorno bipolar
  • Dormir de costas
  • Narcolepsia ou cãibras noturnas
  • Abuso de substâncias medicamentosas.

Tratamentos para a paralisia do sono
Muitas pessoas não precisam de tratamento para a paralisia do sono. Entretanto, se isso está lhe deixando ansioso e dificultando uma boa noite de sono, algumas ações para tratar condições relacionadas à paralisia, podem lhe ajudar.
  • Praticar exercício físico para fortalecer o corpo.
  • Melhorar os hábitos de sono
  • Usar medicamento apenas se tiver sido prescrito por um médico para regular o ciclo do sono.
  • Tratar problemas de saúde mentais que pode contribuir para a paralisia do sono
  • Tratar quaisquer outros distúrbios do sono, tais como a narcolepsia ou cãibras nas pernas.
E não se esqueça de consultar um médico se a paralisia do sono tornar-se frequentes.





Imprimir